Logo que a Vereadora Sonia Regina Rodrigues – Sonia Módena assumiu a presidência da Câmara já enxergou problemas estruturais gravíssimos, como paredes mofadas, devido ao excesso de umidade, prejudiciais à saúde das pessoas e falta de medidas de segurança impossibilitando, inclusive, a Casa de Leis de possuir um alvará. Imediatamente, a presidente já se mobilizou em busca de sanar tais problemas graves, dentre outros que ela pode constatar, analisando junto a profissionais capacitados.  Sonia Módena chamou um profissional da saúde para atestar o estado das paredes mofadas e constatou que realmente se tratava de algo que poderia ser sim prejudicial à saúde de quem fica o dia a dia nessas salas. Os banheiros do prédio administrativo vivam frequentemente interditados, por vazamentos, gerando prejuízos. O prédio onde está instalado o Plenário, apresentando vários pontos com goteiras. Mas o que mais chamou a atenção da presidente foi a ausência de saídas de emergências, dentre outras medidas de segurança importantíssimas para todos que frequentam as dependências da Casa. Além de resolver os inúmeros problemas encontrados, a reforma também contemplará mudanças necessárias em banheiros, xérox e cozinha, por exemplo. E ampliações, como na recepção, incluindo as medidas de segurança necessária e acessibilidade, que hoje falta na Câmara. A empresa responsável pelas obras é a PH4 construções e engenharia LTDA, contratada por meio de Processo Licitatório. O valor estimado é de R$ 569.691,49, com início em 27 de outubro de 2021 e prazo previsto de 90 dias.



Mais Notícias

CÂMARA RECEBE VISITA DA SEGUNDA TURMA DE ALUNOS DO CEBE

Ler a notícia

CAMINHADA PELO FIM DA VIOLÊNCIA CONTRA MULHERES E MENINAS SERÁ REALIZADA EM MOGI MIRIM

Ler a notícia