A Câmara Municipal de Mogi Mirim vem, por meio desta, esclarecer os fatos ocorridos na 20ª Sessão Ordinária de 2023, realizada na última segunda-feira (19).

Devido a discussões generalizadas, o Presidente da Câmara, em uma decisão firme e baseada na legalidade, revestido de suas funções, decidiu suspender a sessão até o dia seguinte, considerando que não havia mais condições de dar continuidade aos trabalhos.

Na terça-feira, a sessão foi retomada, prosseguindo a discussão e aprovação do Projeto de lei nº 40/2023, responsável pela Lei de Diretrizes Orçamentárias de 2024.

A Mesa Diretora reitera que nenhum ato contra a democracia e as leis que regem o Município será tolerado.

O Conselho de Ética, responsável por apurar todo e qualquer fato dessa natureza, analisará todas as denúncias formalizadas por cidadãos que se sintam agredidos em seus direitos.

 



Mais Notícias

16ª Sessão Ordinária: veja projeto de lei aprovado em segundo turno

Ler a notícia

Toneladas de doações, arrecadadas na Câmara, são enviadas para o Rio Grande do Sul

Ler a notícia