Dezenas de alunos matriculados em escolas municipais, acompanhados de professores, estiveram presentes na Câmara de Mogi Mirim na manhã desta terça-feira (06/09) para participar de uma audiência pública promovida pelo Vereador João Victor Gasparini (União). O encontro teve como objetivo debater o Projeto de Lei nº 115 de 2022, que dispõe sobre criação, organização e atuação dos grêmios estudantis nas escolas municipais de Ensino Fundamental II.

Neste Projeto de Lei, de autoria de João Victor, estão previstos o formato de eleição, disposição das chapas concorrentes, entre outros aspectos para que a escolha dos grêmios estudantis faça parte do calendário escolar. O Vereador apresentou a sua ideia e ouviu a opinião dos estudantes sobre o tema.

Ao final da audiência pública, os participantes definiram que haverá a busca pela instituição de um grêmio estudantil em cada unidade escolar, a criação de um plano de propostas para melhoria das escolas e a implantação de um grupo de estudos para que os próprios estudantes possam auxiliar os colegas no contraturno, ajudando no desenvolvimento de todos. A ideia é que os alunos tenham papel ativo nessas ações desenvolvidas pela comunidade escolar.

O Grêmio Estudantil é uma organização formada por alunos para representar o corpo discente de uma escola perante a sua direção, com o objetivo de defender  seus interesses, organizar eventos e ser um meio de comunicação entre os docentes, alunos e a comunidade escolar. “É um exercício de cidadania, convívio, liderança, comprometimento e responsabilidade”, pontuou o Vereador João Victor. “Os estudantes precisam ter voz ativa e serem ouvidos”.

 

Redação: Tom Oliveira

Fotos: Manuel Nardi



Mais Notícias

Audiência Pública debate situação da Rua Padre Roque como mão dupla

Ler a notícia

Atleta Matheus Rossi Silva é homenageado na Câmara de Mogi Mirim

Ler a notícia