Após oito meses da suspensão das provas objetivas do concurso público 001/2020, a presidência da Câmara Municipal e a Fundação para o Vestibular da Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” – Fundação VUNESP, definiram a nova data de aplicação da prova objetiva para o total de 1.310 inscritos aos cargos de Analista Legislativo e Jornalista.

A prova está prevista para o próximo dia 20 de dezembro com horário e locais ainda a serem definidos. 

No último dia 20 de novembro, foi publicado no Diário Oficial do Estado de São Paulo, o edital da Câmara Municipal que dispõe sobre a retomada das atividades relativas à realização do concurso público.

Os interessados (inscritos) deverão acompanhar a edição oficial de convocação para a realização da prova que terá divulgação tanto no site da Câmara Municipal quanto no da Vunesp.

SUSPENSÃO

As provas seriam realizadas em 10 de maio, mas em março, a Câmara Municipal e a VUNESP, mas foram suspensas com embasamento nas orientações do Ministério da Saúde e demais órgãos, em função da pandemia do novo coronavírus - COVID-19.

As inscrições para o concurso público foram encerradas no último dia 20 de março. O processo é destinado ao preenchimento cinco vagas para profissionais do nível superior. São oferecidas quatro vagas para o cargo de Analista Legislativo, com exigência de ensino superior, e uma vaga para o cargo de Jornalista, com exigência de ensino superior em Jornalismo ou Comunicação Social com habilitação em Jornalismo e registro MTb.

Quando da divulgação da estatística dos inscritos, a lista indicava 1.196 concorrentes as quatro vagas para Analista Legislativo e 114 que disputarão a única vaga para Jornalista.

 

Mais informações pelos links:

Vunesp: https://www.vunesp.com.br/CMMI1901

Câmara Mogi Mirim: https://www.camaramogimirim.sp.gov.br/concurso/camara-mogi-mirim/5825

 

 



Mais Notícias

Coronavírus: em novo Ato, Câmara suspende atendimento ao público até 11 de abril

Ler a notícia

Coronavírus: em novo Ato, Câmara suspende atendimento ao público até 31 de março

Ler a notícia